segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Livros/Escritores

Olá caros leitores, a Venerdì Meminger. escolheu o tema “Livros/Escritores” para essa semana.

Eu adoro ler e escrever, já podem supor que eu adorei o tema da semana hehe, claro. O meu Skoob irá ajudar muito nessa missão de citar livros. Também amo escrever, e falarei um pouco disso no fim do post.

Momento Leitor

Ontem eu terminei de ler O Senhor da Chuva, gostei do livro, apesar de ter bastantes errinhos ortográficos que incomodam ao longo da leitura, o livro é bem interessante, a história é envolvente, gostei da maneira que o autor a conta. Clicando no nome do livro você terá acesso à resenha que acabei de fazer, caso tenha interesse em saber mais, e a imagem te leva diretamente ao site oficial do autor.

Estou lendo O Silmarillion, o livro no começo é muito entediante, dá vontade de parar de ler mesmo, eu lia um capítulo por dia e olha lá, só lá para o meio ele começa a ficar realmente interessante, espero não demorar muito para terminá-lo, e depois farei também uma resenha dele.

Citarei agora os melhores livros que já li, e eu só farei resenha deles depois que relê-los.
O autor narra de maneira fantástica os contos do livro, utiliza de bastante violência e apela para a realidade do submundo do crime. O jeito que ele escreve é envolvente, você sente compaixão pelo personagem, você se sente envolvido na trama, o ódio do personagem principal se torna o seu ódio.

Esse é um Best-seller, e é o melhor Best-seller que eu já li, realmente a história faz jus às vendas. O livro mostra outro lado da Alemanha Nazista, e o autor descreve-o fabulosamente. "Quando a morte conta uma história, você deve parar para ler." Com essa incrível frase o autor consegue captar toda a atenção pretendida, e deixar todos curiosos e morrendo de vontade de ler a história. Justamente pela história não ser contada pelo ponto de vista humano o livro toma todo um ar especial.

There and Back Again. Indiscutivelmente é o melhor livro que eu já li. O começo te dá um ar de suspense, você fica pensando "O que será que vem por aí?". A cada capítulo você fica mais preso ao livro, não vendo a hora de descobrir o desfecho da mirabolante aventura em que Bilbo fora enfiado. A Terra Média é incrível e você fica fascinado por seus seres. Toda a fantástica história de O Senhor dos Anéis só foi possível devido as aventuras desse peculiar hobbit, um tanto rabugento e preguiçoso com uma pitada de bravura e coragem.



Momento Escritor

Desde quando comecei a jogar RPG venho escrevendo estórias e mais estórias. Comecei escrevendo (digitando) um livro de um personagem vivenciando aventuras pela fantástica Terra Média. Eu não gosto muito de escrever à mão, prefiro mil vezes meu teclado macio e o computador ligado com um bom som para me inspirar. Retornando ao pobre livro, o pc teve um sério problema (provavelmente eram vírus, não me lembro), e teve que formatar. Eu com minha incrível memória esqueci-me de fazer um backup do livro (Y). Esse foi o trágico começo da minha história como escritor.

Hoje em dia estou escrevendo um livro de realidade fantástica, já tenho a estória inteira na cabeça, e ela renderá de 5 a 7 livros, isso eu decidirei exatamente quando terminar o primeiro, pois depende do tamanho de cada livro. Escrevo também contos no meu blog "Sussurros da Escuridão", quem ainda não conhece pode dar uma olhada e passar a conhecer um pouco do meu estilo, lembrando que esses contos são sempre adaptados (no tamanho, nas descrições, e nas reduções de falas) conforme a música. Eu evito falas em quase todos os contos pelo curto espaço para encaixar toda a estória. Faz algum tempo que não escrevo porque estava empenhado num projeto de contos para uma coletânea, que futuramente divulgarei aqui, mas até o fim da semana pretendo deixar mais um conto no blog.

Você pode se perguntar de onde vem tanta criatividade. Eu digo que é graças ao mundo do RPG (de mesa) em que cedo adentrei, além de muitos livros e filmes. Muito de Vampiro - A Máscara e O Senhor dos Anéis, um pouco de Dungeons & Dragons e Warcraft RPG, esses foram os principais RPGs que fizeram parte de toda a minha adolescência e estão presentes até hoje em minha vida. Para você que não está entendendo nada e não tem a mínima noção do que é RPG é só clicar na imagem ao lado.




Por hoje é só pessoal (:

5 comentários:

Larissa disse...

Adorei você falar sobre a influência do RPG na sua escrita...
E dos livros que você citou eu só li A menina que roubava livros, e foi um dos melhores que eu já li, é muito envolvente, principalmente por mostrar o outro lado da Alemanha Nazista, antes de ler o livro eu sempre pensei em como os alemães que não eram nazistas se sentiam, e depois do livro pude entender um pouco.

Senbi ∞ Phoenix disse...

gostei muito do seu post

eu também adoro a menina que roubava livros tanto que li tres veses oO

só faltou harry aew né??

mas espere que esse será exaustivamente dissertado por mim ^^

Heluiza Bragança disse...

Amo o hobbit, não é dos meus favoritos e talz, mas a narrativa do tolkien tá PERFEITA nele, hehe. Ri demais com essa placa que você colocou de rpg, o mundo fantásticos dos jogos de rpg influenciam demais na nossa criatividade *-*.

Quero ler a menina que roubava livros... e nem vou falar do senhor da chuva pq vc já sabe o q eu penso sobre..

Mandag Súlimo disse...

Muito obrigado pelos comentários, A Menina que Roubava Livros é super recomendado por mim hehe. E eu não falei de Harry Potter Sir Phoenix porque eu sei que você fará um excelente post sobre :D, mas é a melhor série de livros que eu já li, deixando, é claro, os filmes no chinelo.

Isso aí Helu, RPG é um mundo de criatividade à parte, e esse placa eu achei por acaso e resolvi colocá-la, ficou bem legal né =p

Sneonzeit Dämmerung disse...

Muito bom, a adorei a placa também haehaehea